.

.

terça-feira, 24 de abril de 2012

PREFEITURA DE CARANGOLA DEVE MAIS DE R$460.000,00 AO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DE SEUS SERVIDORES(IPESC)

Prefeito de Carangola ao lado de correligionários.
A Prefeitura de Carangola está devendo mais de R$460.000,00(quatrocentos e sessenta mil reais) ao seu Instituto de Previdência de seus Servidores, o IPESC. A dívida se refere à Falta de Pagamento das obrigações patronais previdenciária dos meses  de dezembro de 2011, Janeiro, Fevereiro, Março de 2012, totalizam mais de R$400.000,00. Além da dívida de cerca de R$58.000.00, referente ao mês de março de 2012 dos valores descontados dos servidores e não repassado para a previdência até a data do dia 23/04. Isso é crime de  apropriação indébita.
Procurada por nossa reportagem, a Presidente do IPESC, Margarida Serri, declarou que tem tentando receber os recursos sem que haja a necessidade de entrar na Justiça, pois se persistir a dívida em 90 dias o IPESC não terá recursos para pagar os servidores aposentados, os pensionistas, os auxílios doenças e licenças maternidade. 
Procurado o Prefeito para falar dessa dívida com o IPESC ele não foi encontrado. Informações de pessoas ligadas ao Governo dão conta que o Prefeito se manifestou em parcelar a dívida, já que o município não tem como pagar. 
Mas vale lembrar que um novo parcelamento de débito não pode ser realizado. Já que foi realizado um parcelamento de dívidas dos governos anteriores. Irresponsáveis como esse governo atual que não cumpre com suas obrigações com o Instituto de Previdência dos Servidores. Essa dívida existente foi negociada pelo governo que saiu, mas no entanto o governo não fez parte da dívida. Já que o Governo anterior cumpriu fielmente com as obrigações previdenciárias ao longo dos seus 6 anos de governo. A dívida foi deixada pelos governos anteriores.
O IPESC tem em sua folha de pagamento cerca de 261 servidores aposentados, pensionistas,  auxílios doenças e licenças maternidade. Um número expressivo e muito importante. Já que quem trabalhou a vida toda e ao aposentar tem o direito de receber seus proventos. Mas que para isso aconteça, é necessário que o Gestor do Município tenha responsabilidade com a gestão do dinheiro público e com as instituições. Coisa que não vemos com esse "des"governo de Carangola.
Mas cadê a Câmara Municipal para fiscalizar isso? Senhores vereadores. Esse é o papel principal da Câmara. FISCALIZAR.

Nenhum comentário:

Postar um comentário