domingo, 11 de março de 2018

Temporal alaga e traz transtornos em Ubá na noite desse sábado. Nesse domingo população limpa o barro na cidade.

Vista aérea de uma área alagada em Ubá durante o temporal desta noite
Vista aérea de uma área alagada em Ubá durante o temporal desta noite
Um temporal alagou a cidade de Ubá nesta noite de sábado, 10 de março, causando transtornos aos moradores. O rio Ubá transbordou e alagou várias partes da cidade. Muitas pessoas ficaram ilhadas, impedidas de sair e tiveram de esperar a água abaixar o que só aconteceu depois das 22 horas, conforme informou um leitor do site que mandou vídeos (veja ao final da matéria) mostrando a situação em alguns pontos da cidade. Agora a pouco, a Defesa Civil de Ubá divulgou uma nota oficial sobre a situação na cidade. Segundo o texto, "segundo relatos, devido a proporção dos estragos, esta pode ser a maior enchente dos últimos 30 anos na cidade."

A força da água foi tão forte que alguns carros foram arrastados. Apesar de não ter ocorrido enchente, o grande volume de água que se acumulou nas ruas acabou não conseguindo escoar formando um verdadeiro rio e, em certos lugares  invadiu alguns pontos comerciais, segundo informações preliminares. Boatos de que uma ponte teria sido levada pela água, foram desmentidos. Em uma delas, apenas a grade de proteção ficou retorcida .

A prefeitura de Guidoval que é próximo de Ubá, alertou a população sobre possível enchente nas próximas horas devido ao rio Xopotó, que banha aquela cidade receber água do rio Ubá. Já em Cataguases a Defesa Civil tranquilizou a população ao revelar que o nível do rio Pomba está baixo e tem capacidade para absorver a água que eventualmente chegará daquela cidade. (Fotos cedidas por leitores)

O QUE DIZ A NOTA
O Plano de Contingência da Defesa Civil foi acionado. Desde as 21 horas o Prefeito Edson Teixeira Filho está reunido em um Gabinete de Crise, na sede do Corpo de Bombeiros de Ubá, com o Vice-Prefeito Vinícius Samôr de Lacerda, Secretário de Ambiente Vicente de Paulo Pinto, de Desenvolvimento Social Flávio Monteze, de Obras João Gomes Júnior, de Finanças Cícero Mateus de Oliveira, Coordenador da Defesa Civil Municipal Gilger Eduardo de Menezes, Comandante do 21º BPM, Tenente Coronel Giovane Ramos, Comandante Carlos Eduardo Guilarducci, Comandante do 1º Pelotão do Corpo de Bombeiros de Ubá.

O Governo do Estado de Minas Gerais já foi acionado. Equipes da Assistência Social e Saúde já estão atuando em atenção aos atingidos e todos os servidores das Secretarias de Obras e Ambiente e Mobilidade Urbana foram convocados para atuar a partir da manhã de domingo (11). A Defesa Civil ainda orienta a população a não trafegar pela Avenida Beira Rio (uma das principais vias de acesso daquele município); evitar sair de casa e também não entrar na água da enchente devido ao risco de doenças graves.







Fonte Parceiro Marcelo Lopes








Última atualização às 00h18m 




in de 11/03/2018




image


image

image

Nenhum comentário:

Postar um comentário