sexta-feira, 30 de junho de 2017

UMA JOVEM MATA O PRÓPRIO IRMÃO QUE TINHA NECESSIDADES ESPECIAIS, COMETE SUICÍDIO E DEIXA RECADO DE DESPEDIDA

Na manhã desta última terça-feira (27) uma jovem de 25 anos matou o próprio irmão de 19 anos que era portador de necessidades especiais e em seguida tirou a própria vida em uma residência localizada no bairro Bom Sucesso em Belo Horizonte. De acordo com a Polícia Civil, o pai da jovem Juliana Cristina de Andrade foi até o quarto dela a chamar para o trabalho e encontrou a menina já sem vida com um cinto amarrado no pescoço. A mãe chegou no quarto e pegou o celular de Juliana para acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas ao desbloquear o celular da garota encontrou o Facebook dela aberto com o seguinte recado: “Pai, mãe, perdão. Não consigo. Não adianta fingir. Eu e o Matheus (irmão) não temos futuro. Só um último pedido, não nos enterre em Monlevade, pelo amor de Deus. Amo vocês”. Após ler a mensagem o casal correu para o quarto de Matheus Henrique Andrade e o encontraram morto. Segundo peritos, o jovem apresentava uma marca roxa no pescoço, onde possivelmente foi morto por enforcamento. O pai contou aos policiais que a filha estava sofrendo problemas psicológicos por causa de uma desilusão amorosa. Os corpos dos jovens foram recolhidos e encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte. A Polícia Civil irá investigar o caso.
Repórter Cidades / Plantão Policial: Jerry Mesquita
Nosso Portal: www.portalplantaopolicial.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário